“Já esta na hora de passar um pouco do limite, aproveitar mais à vida.”
Avril Lavigne.  (via ergueu)

Há 1 dia · 16.112 notas · reblog
originally despoetizei · via ergueu
“Apesar de todos os esforços ninguém vive para sempre.”
A menina que roubava livros. (via ergueu)

“Não guardo nem dinheiro vou guardar rancor e mágoas?”
Caio Fernando de Abreu.   (via alentador)

Há 1 dia · 996 notas · reblog
originally relicario · via alentador
“- Não é isso que a escola representa para mim.
- O que ela representa, então, para você?
- Um lugar. Apenas um lugar cheio de pessoas com quem sou obrigada a conviver.”
Os 13 Porquês.  (via escritor-a)

“Sobreviver no dia-a-dia se tornou um grande pesadelo.”
Não vai nada nada bem.    (via doistonsdeamor)

QUERO UM ABRAÇO BEM FORTE.


Há 3 dias · 3.824 notas · reblog
originally garoto-sz · via alentador
“Não vou cultivar tristeza, ficar sofrendo é besteira.”
Natiruts.  (via alentador)

“Então, eu acho que somos quem somos por várias razões. E talvez nunca conheçamos a maior parte delas. Mas mesmo que não tenhamos o poder de escolher quem vamos ser, ainda podemos escolher aonde iremos a partir daqui. Ainda podemos fazer coisas. E podemos tentar ficar bem com elas.”
As Vantagens de Ser Invisível.   (via alentador)

“Ninguém tem ideia de como essas pessoas sofrem. Sofrem pela dor física, mas sofrem ainda mais pela esperança de que um dia algo vai se recuperar. E isso não acontece. São solitárias. Absurdamente sozinhas. Loucamente desamparadas. Perdem a paciência e a tolerância de quem poderia salvá-las. Elas se isolam dos amigos, pois não têm mais coragem de disfarçar as histórias. Elas se distanciam dos familiares porque nenhum parente admitiria a hipótese sequer de um insulto. Morrem socialmente: enterradas vivas em suas próprias residências. Apesar do calor excessivo, não podem usar vestidos e mangas curtas para não ostentar as feridas e os inchaços. Acordam de óculos escuros para se encarar no espelho. Elas mentem. Mentem pelo medo de não ter outra chance de ser feliz.. Dedicam suas horas a zelar por uma farsa, a proteger um conto de fadas que existe na aparência, tentando salvar tudo a qualquer custo. Festejam as semanas sadias como milagres. Saúdam os momentos calmos como férias. Esmolam olhares de ternura para compensar o inferno. Eu entendo. Entendo, e dói entender. É uma espiral de constrangimentos, que abole as defesas, que apaga a personalidade, que anula o temperamento. São frágeis, quebradiças, carentes. Atravessam um domingo inteiro procurando uma desculpa para continuar. São as únicas que não enxergam que terminou o relacionamento, que não há jeito de recuperar o respeito. Não são apenas cegas de amor, porém também surdas e mudas. O amor roubou todos os sentidos, todo o sentido de suas vidas.”
Fabrício Carpinejar (via alentador)

“O mundo tornou-se uma peça de teatro onde as pessoas são os atores. Você vê pessoas falando e fazendo coisas mas nunca sabe se é verdade ou apenas mais uma ilusão. Por isso existem uns dizendo sentir algo que é real e outras que atuam, fingindo sentir tal sentimento que é inexistente.”
Prestigiador and Ergueu.  (via ergueu)

Há 3 dias · 181 notas · reblog
originally prestigiador · via ergueu